Vocal: Canto Ma Non Presto

Conjunto vocal de mais de 14 anos de estrada, conhecido pela alta qualidade vocal e pela complexidade dos arranjos, quase todos próprios e a capella.

Grupo vocal a capella que tem se apresentado em importantes espaços culturais de São Paulo e do Brasil, o Canto Ma Non Presto surgiu em 1999, inicialmente como um quinteto vocal formado por regentes e cantores que se interessavam pelo repertório de música popular brasileira. Conforme o trabalho foi se desenvolvendo e gerando bons frutos musicais, o grupo se expandiu para sua formação atual de oito cantores, cada um com origens musicais diversas, do canto lírico e da composição e da regência ao canto popular.

O grupo se apresentou em vários Encontros de Corais, Convenções e Congressos, entre os quais destacam-se a 7º Mostra Vocal em Campos do Jordão, 1º Festival-ARCI de Corais em Itu, Congresso Internacional SESC‐ARCI de Regência Coral no SESC Ipiranga, VIII e IX Mostras Vocais em Blumenau – Santa Catarina, Encontro de Corais Camargo Guarnieri, promovido pelo Maestro Jamil Maluf e pela Maestrina Mara Campos.

No II Fórum Rioacapella de Música Vocal no Rio de Janeiro, o Canto Ma Non Presto foi um dos grupos trabalhados pelo professor Felipe Abreu. Já se apresentou também no programa Altas Horas, de Sérginho Groisman. Em 2007 ficou em cartaz, nos meses de abril e maio, no Teatro Fábrica São Paulo com o espetáculo “Organicidade”, alcançando uma média de 70% de ocupação.

Em 2012 participou do Festival Brasil Vocal promovido pelo Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro, onde também apresentaram grupos como Mulheres de Holanda e Barbatuques. Atualmente tem realizado várias apresentações na Rede SESC, com os vários espetáculos que produziu ao longo de sua história, Lado B, Organicidade, As vozes do Dono e Concerto Didático.